Comportamento do Jogador

Hoje vou falar sobre o perfil psicológico dos jogadores ou como é falado na industria dos jogos, o COMPORTAMENTO DO JOGADOR (clique na foto no final do post para compreender os exemplos).

Acho que já deve ter passado na sua cabeça algumas vez sobre o que motiva as pessoas aos games? O que as motiva e as fazem ”fluir” na vida real, são correspondentes as mesmas coisas que elas procuram em seus games favoritos. Muitas vezes, inclusive, procuram determinados tipos de experiência nos games, por não encontrarem em quantidade e qualidade satisfatória na vida real.

A classificação de jogadores de acordo com a tipologia sugerida por Richard Bartle, descrevem 4 tipos básicos correspondentes ao comportamento de pessoas enquanto interagem com jogos. Cada um dos arquétipos se comporta segundo uma motivação:

1. Realizadores – Seu interesse principal é o de alcançar todos os objetivos propostos pelo jogo. Isso geralmente envolve o ato de colecionar objetos de jogo, completar as etapas de progresso com um desempenho perfeito e concluir todas as possibilidades que ele tem a oferecer.
2. Exploradores – Interessam-se em explorar e conhecer o máximo possível do que o mundo do jogo oferece, o que faz com que experimentem a potencialidade de seus itens e mecânicas, testando diferentes formas de utilizar suas regras.
3. Socializadores – Seu interesse está no relacionamento que podem construir com o mundo, com outros jogadores e com os personagens do jogo. Seu comportamento segue o “papel” que lhe é dado e o contexto correto das situações, de forma a fazer parte do mundo de jogo.
4. Matadores – Seu interesse é o de se impor perante outros jogadores ou no mundo do jogo. Esse comportamento é realizado mediante aquisição de itens ou de uso correto das regras do jogo. Embora o nome dado à categoria indique que os jogadores agem principalmente matando, indica também o ato de se impor até mesmo quando é preciso auxiliar outro jogador.

Essa classificação, é uma das estratégias de retenção e fidelização mais utilizadas atualmente pelas empresas.Os arquétipos de Bartle, embora forneçam uma perspectiva sobre o tipo de pessoa que joga jogos digitais e sirvam para um enquadramento mais adequado do público-alvo, não são absolutas. Existem também outras ” métricas” de perfil psicológico, porém pretendo trazer em outros posts.

Teste que tipo de jogador você é? http://matthewbarr.co.uk/bartle

Créditos:
Debora Cristini Lopes
Neuropsicóloga & Game Designer

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *